Home / FIFAMANIA News / EA perde ação milionária na justiça brasileira

EA perde ação milionária na justiça brasileira

Postado em
FIFA
EA perde ação milionária na justiça brasileira por uso indevido de imagem de jogadores em FIFA

Mais um capítulo das desavenças entre a Electronic Arts, responsável por FIFA, e os jogadores brasileiros aconteceu nesta sexta-feira (12). Segundo decisão da juíza Monica Di Stasi, da 3a Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, a empresa terá de pagar mais de R$ 7 milhões por uso indevido de imagem de atletas que atuaram por equipes mineiras.

Em ação em conjunto feita pelo Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado de Minas Gerais, o SAFEMG, mais de 200 atletas fizeram parte da requisição por uso indevido de seus direitos nos jogos de FIFA 2005 ao FIFA 16 e FIFA Manager 2006 ao 14.

Ação original requisitava um valor quatro vezes maior, no entanto a decisão da juíza fixou o valor de R$ 5 mil, por aparição, totalizando mais de R$ 7 milhões.

 

JOGADORES ENVOLVIDOS

Fazem parte da lista de jogadores nomes como Alecsandro, Alex, Dagoberto, Diego Tardelli, Edu Dracena, Egídio, Éverton Ribeiro, Fred, Marcos Rocha, Ricardo Goulart, Wellington Paulista e outros. Apesar de antigos, os jogos que fazem parte do processo devem ser retirados do mercado. A EA terá de pagar R$ 100 mil reais por jogo caso não seja cumprida essa parte da decisão. Vale ressaltar também que cabe recurso a EA.

FIFA
Imagem de divulgação de FIFA 14 com os 20 times da Série A mais a seleção licenciados.

PROBLEMA SEM SOLUÇÃO APARENTE

O caso é mais um reflexo da falta de unidade do futebol nacional e aparente falta de um esforço maior por parte da EA ao longo dos anos. Hoje, há um alinhamento da CBF com Konami para que Pro Evolution Soccer tenha o Brasileirão e equipes de maneira exclusiva, como Flamengo, Palmeiras e Corinthians.

Apesar da importância da liga brasileira frente ao mercado mundial, nossa liga em FIFA 19, possui 15 das 20 participantes do último Campeonato Brasileiro, todos com elencos totalmente genéricos.

A relação do futebol nacional com a EA em especial sempre foi muito conturbada, já que o futebol nacional de primeira divisão não possui uma liga única que o represente em acordos desta natureza, como é o caso da inglesa Premier League. Lá, ao comprar a licença de uso da liga, times e jogadores fazem parte do pacote.

No Brasil, sempre imperou o “cada um por si” e um acordo nunca foi concretizado para longos períodos ou mesmo um uso de licença de imagem que impedisse esse tipo de ação feita pelo sindicado de jogadores de Minas Gerais.

Via: ESPN.com.br

Loja Virtual de Games:
A partir do ano de 2012, o site em mais uma ousada investida, o FIFAMANIA firmou uma parceria com a Warner Bros Games e outros distribuidores de games do Brasil e inaugurou o FIFAMANIA SHOP, onde comercializa diversos games e acessórios e realiza a pré venda dos grandes lançamentos mundiais. Venha conhecer  a nossa loja em www.fifamania.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top